Leituras da Dança inclui:

  • 9 horas de formação com gestores e professores,
  • material didático,
  • apresentação de espetáculo,

Docência: Isabel Marques, Fábio Brazil e Caleidos Cia de Dança

Modelo desenvolvido a partir da proposta pedagógica da “Dança no Contexto”, Isabel Marques, USP /1996 :

  • 6 horas de aulas teórico-práticas de dança para professores e gestores,
  • fruição e reflexão sobre o repertório do espetáculo (lastreado na Linguagem da Dança),
  • subsídios para iniciação e reflexão das práticas docentes em dança nas escolas,
  • espetáculo de dança para alunos, professores e gestores,
  • 3h de oficina na escola com professores e gestores

Público alvo: professores de escolas que trabalham com dança em suas aulas

Realizado na Secretaria Municipal de Educação de São Paulo em escolas de Educação Infantil da Diretoria Regional de Educação (DRE) Pirituba, DRE Freguesia do Ó, DRE Butantã


Benefícios do Programa

Professores

  • maior engajamento na percepção e ensino de arte em geral
  • melhor relação com o próprio corpo e com o corpo das crianças
  • melhor relação com o espaço em geral e com o espaço da escola
  • subsídios para o início de trabalho com a Linguagem da Dança
  • experiência em fruição de arte e participação interativa
  • despertar para a Dança enquanto arte e Linguagem
  • vivência e aprendizado de novas possibilidades pedagógicas em aula
  • possibilidade de vivenciar por meio da dança temas como sociedade, corpo humano, relações entre pessoas

Alunos

  • partilhar com o professor a linguagem corporal
  • participação em espetáculo de dança
  • vivência e interação com bailarinos num espetáculo de dança
  • vivenciar outras possibilidades de aprendizagem
  • apropriação de bem cultural a que tem direito (arte/dança)
  • possibilidade de ter despertado novos interesses (linguagem corpora, dança, arte)
  • possibilidade de vivenciar por meio da dança temas como sociedade, corpo humano, relações entre pessoas

Por que fazer através da dança?

Na escola, tradicionalmente, vivemos a primazia da Linguagem Verbal e o aquietamento dos corpos, no entanto, essa situação não reflete as vivências e exigências da sociedade atual. Num mundo cada vez mais relacional, flexível e múltiplo em suas linguagens e formas de comunicação, entende-se que a Arte tem papel decisivo no ensino e na formação da cidadania.

É preciso que outras Linguagens sejam acolhidas na educação – múltiplas linguagens  principalmente na Educação Infantil. A Dança, nesse sentido,  se for trabalhada enquanto arte e linguagem, é uma possibilidade de, envolvendo o corpo das crianças e dos professores, estabelecer vínculos duradouros com a construção coletiva, com a ética e respeito entre os atores em cena - seja cena artística ou cena social. Estudar o corpo em movimento construindo arte nos permite ter domínio dele e da forma como nos comunicamos e nos expressamos com o mundo.


Por que o Instituto Caleidos?

O Instituto Caleidos é o resultado de mais de 20 anos de experiência em educação por meio da arte, entendento educação como o desenvolvimento de cidadãos críticos e conscientes de si e de suas atitudes para mudar a realidade.

Por meio de seus criadores, o Instituto Caleidos é

  • pioneiro no trabalho de ensinar a Linguagem da Dança nas escolas por meio de cursos e apresentações,
  • pioneiro no trabalho com interatividade em cena de dança,
  • pioneiro na construção de conhecimento teórico sobre educação e dança (Dança no Contexto, Isabel Marques, 1996 USP),
  • pioneiro na reflexão sobre o ensino de dança como forma de construção de conhecimento e autonomia crítica,
  • presença importante na construção do conhecimento em arte/educação - 5 livros publicados, diversos documentos nacionais e internacionais, centenas de artigos, presença na bibliografia da maioria dos concursos públicos para educação e bibliografia obrigatória em cursos de licenciatura em dança, teatro e artes em geral.  

O trabalho proposto pelo Instituto Caleidos

  • por meio da linguagem distingue-se da aplicação de atividades vazias,
  • tem como foco o público/professor multiplicador e as relações com propósito,
  • permite ao professor lidar concretamente com dança,
  • subsidia o professor em sua prática diária em sala de aula,
  • é o resultado de farta construção teórica,
  • é o resultado de mais de 20 anos de experiência em formação de professores e ensino de arte nas escolas,
  • traz a interatividade como princípio,
  • propicia aos professores a criação de ações pedagógicas que ampliam as possibilidade de relação entre os alunos e o meio em que vivem,
  • permite a integração entre arte e educação, entre artistas e público, entre arte e cidadania.

O que já fizemos?

Os projetos Leituras da Dança e Dançando na Escola já impactaram mais de 10 000 alunos e mais de 3 mil  professores de escolas públicas na cidade de São Paulo nos últimos 20 anos.

O que faremos?

Por meio do ProAc–ICMS, programa que possibilita o aporte financeiro de empresas para o Leituras da Dança, nos comprometemos a: 

Apresentação do espetáculo “Tria”, do Caleidos Cia. de Dança, para professores e alunos

No total serão apresentados 25 espetáculos, no Instituto Caleidos, envolvendo diretamente 2.400 crianças e 120 profissionais (professores e coordenadores) de Educação Infantil da rede pública de ensino do município de São Paulo. Cada criança receberá material didático e terão transporte gratuito até o Instituto Caleidos para apreciação do espetáculo “Tria”.

Minicurso “Interfaces entre a Arte e a Educação”       

O minicurso será destinado para os profissionais das escolas envolvidas no projeto, com total de 8 horas e material didático incluso. Será oferecido aos professores, coordenadores e diretores das 5 escolas em que haverá circulação do espetáculo “Tria” (público estimado de aproximadamente 120 profissionais).

V Seminário Coreológicas

Com coordenação de Fábio Brazil (Instituto Caleidos/SP), essa ação terá a presença de dois palestrantes da área de arte/educação e será destinado aos profissionais das escolas envolvidos no projeto.

O V Seminário Coreológicas versará sobre o tema “Dança e Sociedade” e será realizado na cidade de São Paulo. O objetivo do Seminário é proporcionar ao maior número possível de profissionais da Educação interessados pela dança uma ocasião para conhecer, aprofundar e discutir sobre a dança contemporânea e suas possibilidades de formação de leitores críticos da dança/mundo.

Os 120 profissionais das escolas envolvidas serão convidados a participar do Seminário e as vagas remanescentes serão abertas prioritariamente para professores da rede pública de ensino de fora da cidade de São Paulo.

Filme Institucional (DVD e Internet)

O projeto será registrado na íntegra: seminário, minicurso e apresentação dos espetáculos. E será, posteriormente, compartilhado com os participantes e apoiadores do “Dançando na escola”.